Sobre a Empresa

Vidraria Bracarense, LDA

A Vidraria Bracarense, Lda, inicialmente denominada por VIMAIA, é uma indústria de transformação de vidro que iniciou a sua a atividade, em Ferreiros – Braga, a 4 de Abril de 1988, apenas com um único sócio-gerente, o Sr. José Maia. A principal atividade incidia na lapidação, arestas, foscagem, corte e colocação de vidro.

Esta empresa teve uma boa aceitação no mercado, devido à qualidade dos seus serviços, à inovação e à rapidez na execução, o que teve como consequência quase imediata, a necessidade de adquirir um novo espaço que simultaneamente permitisse fazer face à procura dos clientes e ao desenvolvimento de um outro tipo de soluções bem mais diversificadas, que respondessem às novas exigências do mercado. A solução encontrada foi a aquisição de um terreno no Parque Industrial de Celeirós e posterior construção do pavilhão, com uma área de cerca de 890 m2.

A 20 de Maio de 1990, a empresa altera o seu pacto social, fazendo o respetivo aumento de capital para 19951.92€, passando a denominar-se então Vidraria Bracarense, L.da, tendo como sócios o Sr. José Maia e Maria Luísa Maia. É nesta altura que a empresa passa a situar-se no Parque Industrial de Celeirós.

Em 10 de Janeiro de 2001, a empresa comporta nova alteração, aumentando o seu capital social para 99.759.58€, o qual se mantém até então, e passam a ser sócios da empresa o Sr. José Maia e os seus dois filhos, Diamantino Maia e Andreia Maia. Ficando o Sr. José Maia e o Sr. Diamantino Maia como sócios – Gerentes.

O natural desenvolvimento dos negócios, traduziram a necessidade de se criarem novas instalações, que por um lado permitissem o desenvolvimento das atividades e consequente o aumento do volume de negócios e por outro a optimização dos recursos existentes, uma vez que as instalações anteriores, já não permitiam uma adequada gestão da produção.

É então que, após adquirirem um terreno, em Sequeira - Braga com cerca de 5000 m², são construídas as novas instalações.

São também adquiridas máquinas mais sofisticadas, tais como a máquina de corte, máquina de vidro duplo e a ponte rolante, de forma a permitir dar resposta, mais rapidamente, às necessidades dos clientes.

Em resultado de toda esta transformação/evolução, a Vidraria Bracarense, agora totalmente automatizada, passou a diversificar ainda mais a quantidade de produtos fabricados, juntando aos já produzidos, outros produtos como é o caso do vidro duplo, com uma linha completa de montagem, tampos em vidro com variados tipos de arestas, corte de vidro laminado e curvatura de vidros.

O Sr. Maia, fundador da Vidraria Bracarense, está cada vez mais a assumir um papel mais discreto ao nível da gestão e funcionamento da empresa. No entanto, desde a fundação desta empresa, tem-se assistido a um crescimento controlado, sustentado no mérito do seu próprio trabalho e numa contínua postura de inovação, qualidade dos seus produtos e na rapidez de execução.

Perante todo quadro pode-se dizer que estamos perante uma empresa em franco desenvolvimento com vontade de vingar, num mercado cada vez mais exigente e competitivo.

 

Missão

Prestar serviços e fornecer produtos de elevada qualidade e com óptima relação custo benefício, satisfazendo e excedendo os requisitos e as expetativas dos Clientes. Incutir uma cultura de otimização de recursos e estimular a melhoria contínua entre todos os colaboradores da Vidraria Bracarense, garantindo credibilidade de modo a fidelizar seus atuais Clientes e conquistar novos Clientes.

 

Visão

Ser reconhecida nacional e internacionalmente como uma empresa líder no mercado onde se integra, destacando-se pela excelência dos produtos e serviços prestados e pelo enfoque na satisfação e desenvolvimento profissional dos colaboradores, gerando o devido retorno para os seus sócios.